ESTRATÉGIA E POSTURA EMPRESARIAL NO CENÁRIO DE CRISE

1 -  Conscientize-se de que os fatos são mais importantes do que suas opiniões ou expectativas. Não seja otimista – o que é lúdico – nem pessimista – o que é derrotista. Seja apenas realista.

2 – Tenha, ligue e dê atenção aos detectores de crise. Não despreze os sinais de alerta.

3 – Entenda que o cenário é dinâmico, mutante, desestabilizador, disruptivo, que o passado não voltará e que o futuro será, nesse sentido, pior, embora promissor.

4 – Reconheça que alguém pode ter 100% do capital, mas ninguém tem 100% da informação nem 100% da capacidade – na qual se inclui gestão como ciência, pois já não basta boa intenção, intuição, dedicação nem torcida.

5 – Antes que seja tarde, aceite e implante mudanças na gestão e no seu modelo de gestão, o que só será possível seguindo a “equação de Strategos = HO + CE + VM + DF”, i.e., se você tiver “a Humildade de Ouvir, a Capacidade de Entender, a Vontade de Mudar e a Determinação de ir até o Fim”.

6 – Não tente mudar sozinho. Busque ajuda capacitada para diagnosticar as fraquezas e problemas, desenhar as soluções e implementá-las, dentro de uma estratégia adequada.

7 – Considere fortemente a liderança de um gestor interino para a reestruturação e as mudanças: só ele terá a isenção para agir e romper paradigmas movido por uma missão e não pela conveniência política de uma carreira.

8 – Esqueça seu umbigo, olhe pela janela e avalie a concorrência e o mercado. Como ensina o processo de Beyond Budgeting, é deles que você tem que ganhar, não das metas / orçamento por você estabelecido.

9 – Implante ou ajuste sua estrutura de Governança Corporativa, não apenas na teoria e forma, mas sim na prática e conteúdo. Isto requer acionistas conscientes e preparados, um Conselho capaz, crítico e criativo, uma auditoria eficiente e uma diretoria executiva apta e qualificada para o mundo moderno.

10 – Em síntese, diante da crise, fora seus valores e princípios, tudo terá que mudar, pois se você continuar fazendo as mesmas coisas e seguir os mesmos caminhos, chegará sempre ao mesmo lugar ….. e o mundo não estará mais no mesmo lugar.  Só os capacitados e de mente aberta conseguem enxergar o futuro e o novo.

Duas mensagens:

“Daqui para frente só existirão os ágeis e os mortos” (Tom Peters)

“Os analfabetos do século XXI não serão os que não souberem ler e escrever, mas os que não souberem aprender, desaprender e reaprender” (Alvin Tofler).

Telmo Schoeler

Fundador e Leading Partner

STRATEGOS Consultoria Empresarial Ltda

ORCHESTRA Soluções Empresariais

Leave a comment

0 Comments.

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.